27 de março de 2013

*

O amor é um sentimento tão bobo, faz a gente amar aquilo que é imperfeito, admirar aquilo que é inaceitável, perdoar quando não o devemos, pedir desculpa mesmo sabendo que estamos certos, chorar por coisas insignificantes, sorrir por coisas patéticas. Mas mesmo assim ele é gostoso ♥


6 de março de 2013

Charles Chaplin

"Já perdoei erros quase imperdoáveis,
tentei substituir pessoas insubstituíveis
e esquecer pessoas inesquecíveis.

Já fiz coisas por impulso,
já me decepcionei com pessoas quando nunca pensei me decepcionar, mas também decepcionei alguém.

Já abracei pra proteger,
já dei risada quando não podia,
fiz amigos eternos,
amei e fui amado,
mas também já fui rejeitado,
fui amado e não amei.

Já gritei e pulei de tanta felicidade,
já vivi de amor e fiz juras eternas,
"quebrei a cara muitas vezes"!

Já chorei ouvindo música e vendo fotos,
já liguei só para escutar uma voz,
me apaixonei por um sorriso,
já pensei que fosse morrer de tanta saudade
e tive medo de perder alguém especial (e acabei perdendo).

Mas vivi, e ainda vivo!
Não passo pela vida…
E você também não deveria passar!

Viva!
Bom mesmo é ir à luta com determinação,
abraçar a vida com paixão,
perder com classe
e vencer com ousadia,
porque o mundo pertence a quem se atreve
e a vida é "muito" pra ser insignificante."

4 de março de 2013



We're not friends,
We're not enemies,
We're just strangers, 
With some memories.

2 de março de 2013

Mudança

Devagar tudo volta ao sítio, a esperança é a última a morrer, e essa ninguém me abala felizmente! Por vezes as situações levam a constantes mudanças de 180º por vezes para melhor, outras para pior desta vez as coisas estão comigo, para a minha boa sanidade mental.